segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Clica lá. É notícia boa.
http://www.gazetadopovo.com.br/blogs/blog-do-bessa/pinturas-de-leila-pugnaloni-sao-selecionadas-para-acervo-do-museu-de-arte-do-rio/

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

LEILA NO ACERVO DO MAR

A obra da artista plástica Leila Pugnaloni agora está também no MAR, o  Museu de Arte do Rio. Duas  pinturas suas foram selecionadas pelo curador Marco Antonio Teobaldo e pelo crítico Paulo Herkenhoff para compor o acervo permanente do museu. Inaugurado  em 2.013, o MAR   já  é uma das principais atrações culturais do Rio de Janeiro. Carioca que veio adolescente para  Curitiba , Leila iniciou sua carreira nos anos 70 e hoje sua obra está muitas coleções particulares e instituições,  entre elas o Museu Oscar Niemeyer.

sábado, 12 de novembro de 2016

Breve currículo Leila



Breve Biografia 2016.
Leila Pugnaloni nasceu no Rio de Janeiro e é radicada em Curitiba . Estudou no Colégio Sion de Curitiba,  Escola de Belas Artes do Paraná, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio de Janeiro, e,  em New York, na “Art Students League of New York”.
Desde 1980, fez mais de 20 exposições individuais, participou de mais de 40 coletivas.Em 1994 e 1995 participou do Salão Nacional de Artes Plásticas (RJ). Também em 1995, foi premiada pelo Salão Paranaense. Em 2002, participou da III Bienal do Mercosul. Em 2003, lançou o livro “Leila Pugnaloni, O Passeio do Olhar”, de autoria de Fernando Bini durante a mostra “Planta”, na galeria Ybakatu Espaço de Arte, em Curitiba.Em 2007, lançou o livro “Desenhos” em Curitiba, Livrarias Curitiba e no Rio de Janeiro em 2009, na livraria ARGUMENTO-Leblon.
 Em 2010, orientou Oficina de Desenho na Universidade Estadual de Londrina, participo da mostra PAREDE- Festival de Poster Art" do Rio de Janeiro e , em Curitiba, da exposição O CORPO NA CIDADE,no Solar do Barão. Em 2011 , participou da exposição "Praça" – Verão da Cultura Urgente, Parque Lage, Rio de Janeiro e da coletiva ONZE, Galeria Colecionador Contemporâneo( ambas com curadoria de Marco Antonio Teobaldo). Em 2012 ,Duas Décadas de Arte Contemporânea- Artistas do Paraná na Bienal de Curitiba, Museu Oscar Niemeyer( curadoria Adriana Almada),  Mostra individual “ONDA”, Galeria Colecionador Contemporâneo, Rio de Janeiro(curadoria Marco Antonio Teobaldo)
2013, Coletiva Estação das Artes e Oficina Desenho em Movimento, PROJAC, Rede Globo (curadoria Marco A. Teobaldo); Bienal Internacional de Curitiba;Mostra Individual “Luz-a-azul”, Galeria ANEXO, Rio de Janeiro(curadoria Marco A. Teobaldo)
2014: Individual Tabuleiros- Mostra individual no Instituto de Pesquisa e Memória Pretos Novos, RJ( curadoria Marco A. Teobaldo)
2016- Confluências Poéticas- Paço da Liberdade; individual Galeria Arq/Art ; Mostra do Acervo, Museu de Arte Contemporânea do Paraná ,  Museu Oscar Niemeyer e Museu de Arte do Rio (M.A.R.)
Obras nos acervos da Fundação Cultural de Curitiba,  na Biblioteca Nacional(RJ) e em coleções particulares no Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, NY. Textos críticos de Adalice Araújo, Darel Valença, Ennio Marques Ferreira, Fernando Bini,  Manoel Carlos Karam, Nilza Procopiak, Paulo Leminski, Paulo Herkenhoff, Paulo R. O. Reis, Tadeu Chiarelli , Marco Antonio Teobaldo.


Leonard Cohen & Sharon Robinson - Boogie Street Rest in Peace, my Leonard Cohen

domingo, 6 de novembro de 2016

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

sexta-feira, 29 de julho de 2016